Senador Ronaldo Caiado critica ações fundiárias da União

Senador Ronaldo Caiado critica ações fundiárias da União

Os proprietários de terras, plantadores de grãos e criadores de gado em todo o País estão preocupados com o avanço do governo sobre suas propriedades, usando, principalmente, as decisões sobre reforma agrária, terras indígenas e de quilombolas. O senador Ronaldo Caiado (DEM-GO) falou em nome do setor no 4º Fórum Nacional de Agronegócios, do Lide, em Campinas, sábado, e disse que “o governo está promovendo a estatização da propriedade privada por meio dos seus órgãos de Estado — Funai, Incra, Fundação Palmares e Instituto Chico Mendes”. Afirmou que já existem no País 9,2 mil assentamentos, com 962 mil famílias, ocupando 88 milhões de hectares de terras desapropriados, e “ninguém sabe os resultados econômicos, financeiros e sociais de tudo isso”. Quanto à demarcação de terras indígenas, disse que “há um índio para 484 campos de futebol”, e os quilombolas “já receberam 25 milhões de hectares”. Segundo ele, há planos do governo de assumir mais 113 milhões de hectares. Também se manifestou contra os aumentos de impostos sobre o campo, o comércio, a indústria e os trabalhadores. E conclamou pela eleição de mais parlamentares “comprometidos com a livre iniciativa e o desenvolvimento efetivo do País”.

Hereford e Braford

O maior leilão de bovinos Hereford e Braford do País será realizado no dia 1 de outubro, na Estância Guatambu, em Dom Pedrito. O 43º remate Guatambu, Alvorada e Caty oferecerá 200 touros e 350 novilhas Hereford e Braford.

Schatz Blond

Produto ícone da cervejaria gaúcha Petronius, a cerveja Schatz Blond passou a ser produzida na nova planta industrial da empresa, inaugurada em Caxias do Sul, na localidade de São Valentim da Segunda Légua. A fábrica tem capacidade para produção de 100 mil litros/mês de cerveja, segundo o diretor Emílio Kunz Neto.

Gedore

Com quase 53 anos de atuação no Brasil e sede em São Leopoldo, a empresa alemã Gedore, que produz equipamentos profissionais, está planejando crescer 20% em 2016, apesar da crise. Sob nova gestão dos executivos Luís Batistela e Volker Lübke, a fabricante de ferramentas vai reforçar as exportações, aproveitando o câmbio favorável, hoje responsável por apenas 2% do faturamento. “Além de aumentar a receita com as vendas externas – da América do Sul à África –, o dólar valorizado torna nossas ferramentas mais competitivas por aqui”, destaca Batistela. Com entre 25% e 30% do mercado brasileiro, produção de 1,5 milhão de peças por mês e 760 funcionários, a filial representa mais de um terço do negócio global da Gedore, que tem plantas em diversos países, como África do Sul, Inglaterra e Turquia.

Fenamassa

A cidade de Antônio Prado começou a montagem da estrutura para o 4º Festival Nacional da Massa, que ocorrerá nos fins de semana de 9 a 12 e 16 a 18 de outubro. Haverá atrações culturais, gastronomia farta, com mais de 80 tipos de massas no cardápio, e diversão.

Produtividade

O experiente administrador Fábio Freitas Jacques – ATH Albarus, Dana Albarus, Calçados Bibi, Viação Hamburguesa, Super Rissul e Macrimix, entre outras empresas – vai lançar, na Feira do Livro de Porto Alegre, a segunda edição do seu livro Quando a empresa se torna azul – O poder das grandes ideias. O livro, focado na otimização da produtividade, é recomendado por Marlin Kohlrausch, presidente da Calçados Bibi, e David Abramo Randon, presidente do Grupo Randon.

Promoção

Para aumentar as vendas em tempos de crise, a Portobello Shop Caxias do Sul vai sortear 35 viagens entre os clientes que gastarem R$ 3 mil ou mais na loja. O ganhador do sorteio escolherá o destino.

Painel Econômico
DANILO UCHA
ucha@jornaldocomercio.com.br
Painel Econômico

Fonte : Jornal do Comércio

Compartilhe!