O grupo suíço EuroChem anunciou ontem que fechou acordo para adquirir o controle da brasileira Fertilizantes Tocantins, misturadora e distribuidora de fertilizantes que atua na região Norte e no “Matopiba” (confluência entre os Estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia). O valor da transação, que ainda depende do aval das autoridades reguladoras, não foi divulgado. A expectativa da multinacional é concluir a aquisição até o fim do mês que vem.

Fundada em 2003, a Fertilizantes Tocantins vendeu 740 mil toneladas do insumo no ano passado, de acordo com a EuroChem. O faturamento da companhia brasileira não foi divulgado. Em entrevista ao Valor em junho de 2014, o CEO da Tocantins, José Eduardo Motta, estimou que naquele ano o faturamento da companhia alcançaria cerca de R$ 800 milhões.

Principal acionista da Fertilizantes Tocantins até agora, Motta seguirá como CEO e também manterá uma “participação significativa” na empresa, informou a EuroChem. Pelos termos do acordo, o companhia suíça ficará com 50% e mais uma ação. “A aquisição da Fertilizantes Tocantins cria oportunidades de crescimento atraentes para EuroChem no Brasil, o que nos permite expandir significativamente nossa oferta de fertilizantes de alta qualidade para os agricultores locais”, diz o CEO da EuroChem, Dmitry Strezhnev, em nota.

Por Luiz Henrique Mendes | De São Paulo

Fonte : Valor

Compartilhe!