O ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, apresentou no Plenário da Câmara dos Deputados uma análise da situação atual dos brasileiros que vivem no campo. Segundo o ministro, o Censo de 2010 do IBGE mostra que 29 milhões de brasileiros ainda vivem no meio rural – 15,6% da população.

Ananias apontou avanços em políticas públicas votadas ao campo, como no caso da redução da pobreza. “Em 1985, havia no País 17 milhões de pessoas em situação de pobreza ou de extrema pobreza. Em 2015, esse número caiu para 12 milhões, 47% da população rural”, disse.

Apesar disso, o ministro afirmou que o Brasil ainda precisa melhorar em importantes aspectos ligados ao campo, como na distribuição fundiária e em ações de incentivo à agricultura familiar.

Concentração da terra

Ananias comentou que existem cerca de 5 milhões produtores rurais no Brasil, dos quais 4 milhões (84%) são da agricultura familiar. “Os agricultores familiares ocupam uma área correspondente a 25% dos estabelecimentos rurais, ou seja, apenas 16% dos proprietários de terras do País detêm 75% das áreas”, comentou o ministro.

“Isso mostra um descompasso em termos de concentração da terra e que temos muito o que fazer em termos de reforma agrária, dentro do princípios da função social da propriedade e pensando no desenvolvimento da agricultura familiar no Brasil”, completou Ananias.


Agência Câmara

Fonte: Famasul

Compartilhe!