O clima favoreceu a colheita de raiz de mandioca em todas as regiões do Centro-Sul acompanhadas pelo Cepea. Ao mesmo tempo, a demanda industrial pela matéria-prima caiu, principalmente por parte da indústria de farinha de mandioca. Nesse cenário, os preços da raiz seguiram em queda.

Entre 2 a 6 de maio, o valor médio a prazo da raiz posta fecularia foi de R$ 320,79/tonelada (R$ 0,5785/grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), 3,6% abaixo ao da semana anterior. Agentes consultados pelo Cepea apontam que, até meados de junho, a oferta poderá ser suficiente para atender às indústrias, o que manteria as cotações pressionadas.

Cepea, da Esalq/USP


Fonte: Famasul

Compartilhe!