Uso continuado da “exceção da aparente legalidade” configura total afronta à inteligência da população.

Compartilhe!