De acordo com a AGU, desvio de finalidade praticado por Cunha contaminou de maneira insanável os atos praticados no bojo do processo.

Compartilhe!