Para advogada, controle de preços pela ANS e o pequeno número de operadoras atendendo este segmento são os principais fatores que dificultam a transferência da carteira de pessoas físicas.

Compartilhe!