TRT da 3ª região considerou que, mesmo que haja dano material, o depósito irregular não geral abalo psíquico.

Compartilhe!